Quinta-feira, 29 de Setembro de 2011

Aproveite o sol...

 

"Não antecipe os problemas, nem se preocupe com o que talvez nunca aconteça. Aproveite a luz do sol."

      (Benjamin Franklin)

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:14

link do post | comentar | favorito
|

Gostimaisdocê!

 

Ocê é o colírio du meu ôiu.

É o chicrete garrado na minha carça dins.
É a mairionese du meu pão.
É o cisco nu meu ôiu (i no ôtro oiu - eu tenho dois).
O rechei du meu biscoito.
A masstumate du meu macarrão.

Nossinhora!
Gosdimais da conta docê, uai.

Ocê é tamém:
O videperfume da minha pintiadêra.
O dentifriço da minha iscovdidente.

Óiprocevê,
Quem tem amigossim, tem um tisôru!

Ieu guárdesse tisouro, com todu carinho ,
Du lado isquerdupeito !!!
Dentro do meu Coração!!!

gostimaisdocê, uai!!!...Vô iscrevê sardade num tijolo i jogá na sua testa, só prá ocê vê comu a sardade dói...

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:07

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Setembro de 2011

Curiosidades sobre Walt Disney



Em 15 de dezembro de 1966 morria Walt Disney, o mais famoso desenhista e cineasta estadunidense. Quarenta e quatro anos e um dia depois conto alguns episódios curiosos de sua biografia que por verdade tem muitas curiosidades interessantes desconhecidas do público em geral.

  • Filho adotivo. Devido aos castigos impostos pelo severo pai, Elias Disney, Walt, depois de descobrir que não tinha uma certidão de nascimento, alimentou a idéia de que era filho adotivo.
  • O mais mimado. A pessoa melhor recompensada pela Academia de Cinema é Walt Disney. O pai de Donald obteve mais de 60 indicações e recebeu impressionantes 26 Oscar, principalmente por seus curtas de animação.
  • Desenhista precoce. Ainda criança Walt gostava muito de desenhar e dedicou-se a isso apaixonadamente. Passava horas no bosque, observando os animais, para desenhá-los depois em seu caderno.
  • Entretenimento. Walt Disney, que tinha um implante dentário de madeira, dizia: "Prefiro entreter as pessoas com a esperança de que aprendam algo que ensinar com a esperança de que se entretenham".
  • Mudança de nome. Walt Disney escolheu o nome de Mortimer para seu mais famoso ratinho animado, mas sua esposa Lillian convenceu-lhe para que trocasse o nome para Mickey. O próprio Walt foi quem dublou a voz de Mickey Mouse durante vários anos.
  • Empreendedor. Em 1922, antes de criar a Disney Company, Walt fundou a companhia Laugh-O-Gram Films, com a qual realizou bem sucedidos curtas-metragens baseados em contos infantis. No entanto, as despesas de produção superavam os ganhos e um ano depois a empresa faliu.
  • E fez-se a cor. Walt Disney introduziu o ®Technicolor (tecnologia da cor usada até hoje nos filmes) para a produção de Silly Symphonies.
  • Câmera multiplano. Em 1936, Walt Disney inventou a câmera multiplano, capaz de sugerir profundidade de campo graças a um engenhoso sistema de superposição de cinco lâminas filmadas em um mesmo plano para simular a distância. Usou-a pela primeira vez em Branca de Neves e os sete anões.
  • Dali e Disney. Salvador Dali e Walt Disney trabalharam juntos em 1946 em Destino, um curta de animação com traços surrealistas que pretendia narrar uma bela história de amor e remarcar a importância do tempo. Em 1946 somente rodou-se uma sequência experimental de 15 segundos. Em 2003, um sobrinho do fundador, Roy Disney, retomou o projeto e recuperou os desenhos e as primeiras ideias em que se baseava o curta-metragem.
  • Senso do humor. Em certa ocasião perguntaram a Walt Disney o que ele achava de ser uma celebridade. "Nunca me ajudou a fazer um bom filme ou dar um bom golpe no polo, ou que minha filha me obedeça. Nem sequer serve-me de nada com as pulgas que infestam meus cães... bobagem", respondeu.
  • Disney congelado: Diz a lenda, propagada por uma bando de replicantes de e-mails, que Disney após descobrir que tinha uma doença incurável, teria solicitado que criogenizassem seu corpo até que fosse descoberta a cura para a doença. Não, pela enésima vez, Walt Disney NÃO foi congelado.



Leia mais em: Curiosidades sobre Walt Disney - Metamorfose Digital http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=16064#ixzz1YiCLUa8U

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 20:18

link do post | comentar | favorito
|

A mulheres que decidem que filho devem salvar... (Triste!!)

 

Não desejaria isto para o meu pior inimigo. Wardo Mohamud Yusuf, de 29 anos caminhou durante duas semanas para o Quênia com seus dois filhos, um de quatro anos e um bebê de 12 meses para fugir da fome. Seu filho maior ficou exausto e caiu desmaiado, a mãe deteve-se, verteu um pouco de água sobre sua cabeça, mas estava inconsciente e não conseguiu reanimá-lo. Desesperada ela pediu ajuda, mas ninguém parou.

Foi aí que Wardo teve que tomar a decisão que nenhuma mãe gostaria de enfrentar:


- "Finalmente decidi deixá-lo para trás, no caminho e ao amparo de Deus. Agora volto a experimentar a dor de abandonar meu filho. Acordo todas as noites e penso nele. Sinto-me aterrorizada quando vejo uma criança de sua idade", confessou a mãe já na cidade de Dadaab.

Deixar no caminho um filho para salvar a vida de outro, marca por toda a vida a muitos pais que hoje fogem de seu país para tentar sobreviver em outro lugar. O doutor John Kivelenge, especialista em saúde mental do Comitê Internacional de Resgate em Dadaab, admite que a mãe somali não tinha outra opção.

- "É uma reação normal a uma situação anormal. Eles não podem se sentar e esperar a morte juntos. Mas após um mês, sofrerão uma desordem por estresse pós-traumático, o que significa que terão lembranças e pesadelos", explicou.

O caso de Wardo não é único. Faduma Sakow Abdullahi também tratava de chegar a Dadaab com um bebê e com seus outros filhos de cinco, quatro, três e dois anos. Estavam a ponto de chegar ao acampamento, um dia de distância, quando se detiveram para descansar um instante. Seus dois filhos maiores deitaram-se, mas não voltaram a levantar

Sakow perguntou-se o que fazer. Levava água em um garrafão de plástico de cinco litros, mas não era suficiente para todos. Decidiu que devia abandonar os seus dois filhos de cinco e quatro anos, mas não foi fácil. Afastava-se e voltava sobre seus passos, incapaz de ir, até que se deu conta de que a vida de seus outros filhos também estava em perigo e que não podia esperar. 

Segundo a ONU, mais de três milhões de pessoas precisam de ajuda imediata para salvar sua vida.

Tremenda sensação de impotência!

Leia mais em: A triste história da mulher que decidiu que filho salvar - Metamorfose Digital http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=20830#ixzz1Yi6sAaen

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:57

link do post | comentar | favorito
|

15 coisas que nossos filhos não vão conhecer

A tecnologia avança a passos largos e muita coisa vai se tornando obsoleta da noite para o dia. Muitas destas coisas que até dias atrás eram usuais e faziam parte de nosso dia-a-dia jamais serão conhecidas por nossos filhos ou então só conhecerão através de vídeos 3D em seus PCs voadores com estrutura genética. 


  1. O barulho do modem dial-up ao ligar-se.
  2. Usar um vídeo-cassete para ver ou gravar um filme.
  3. Escutar fita-cassete em um radio-gravador.
  4. Os disquetes e os discos Zip.
  5. Economizar para comprar memória RAM.
  6. Tirar o pó do projetor de slides.
  7. Enviar cartas.
  8. Telefones de disco.
  9. Esperar minutos (ou horas) para baixar um arquivo.
  10. As máquinas de escrever.
  11. Discos de vinil.
  12. Carro com carburador.
  13. Por filme na câmera fotográfica.
  14. Escutar um walkman com a namorada.
  15. Aparelhos de telex.

 


Leia mais em: Mais 15 coisas que nossos filhos não vão conhecer - Metamorfose Digital http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=7060#ixzz1Yi1AKQpo

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:53

link do post | comentar | favorito
|

Coisas que há em casa e que poderíamos comer para sobreviver:

 

Quando o fim do mundo se anunciar e 2012 finalmente chegar, muito provavelmente não poderemos correr para as montanhas como tanto queremos emular a John Connor. E se ficarmos presos em nossas casas sem contato com o mundo exterior, esta interessante lista de coisas que podemos comer para sobreviver pode ser de grande valia, afinal nunca se sabe quando vamos ter que comer uma caixa de papelão:

Coisas que há em casa e que poderíamos comer para sobreviver:

  1. Ração para animais - sobrevivência garantida!
  2. Lixo e dejetos - Hummmmm... quantos nutrientes;
  3. Plantas - Salada de samambaia com cozido de begônia e farofa de xaxim. Diliça!
  4. Gordura do forno - sabe aquela crosta de banha grudada no fundo do forno? Preciosa substância;
  5. Couro - afinal de contas é comestível, ainda que perca uma meia dúzia de dentes na tentativa;
  6. Pasta de dentes - ou melhor "dentrifícil". Quase, quase, comida de astronautas;
  7. Papelão, papel - afinal de contas são feitos de árvores, né?;
  8. Sabão - fabricado com gordura vegetal ou animal e isso é comestível (acho);

Também dizem que há quem sobreviva simplesmente respirando ar fresco (aqueles faquires indianos tão magros quanto mentirosos), ainda que isso já pareça mais complicado especialmente se o Apocalipse nos pegar no meio de uma grande cidade poluída ou se o fim do mundo chegar devido à mudança climática.

Advertência: Crianças não comam nada disto em casa, a não ser que o mundo tenha acabado. Se neste momento estiver lendo estes conselhos em um velho papel impresso amassado, em vez de conectado Internet de alta velocidade, pois então... bon appétit!



Leia mais em: Coisas que temos em casa e que podemos comer para sobreviver - Metamorfose Digital http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=21243#ixzz1YhzLTdr9

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:34

link do post | comentar | favorito
|

O HIV como você jamais viu

 

A imagem que ilustra este post é o modelo em 3-D mais detalhado até o momento do temível vírus HIV, responsável pela AIDS. A imagem ganhou o primeiro prêmio para ilustrações da edição 2010 do concurso internacional do desafio de Visualização de Ciência e Engenharia, organizado pelo N.S.F. e pela revista Science.

 

O concurso tenta encontrar formas gráficas chamativas e estimulantes de fazer com que a ciência chegue ao grande público. A imagem ganhadora foi feita por uma equipe dirigida pelo russo Ivan Konstantinov, que analisou dados publicados em mais de uma centena de revistas científicas para digitalizar o HIV do modo mais verídico possível. O corte triangular mostra como o vírus se integra na célula para converter-se em uma fábrica de vírus.

 

Leia mais: http://www.ndig.com.br/item/2011/02/o-hiv-como-voc-jamais-viu#ixzz1YhvxVnmd

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:05

link do post | comentar | favorito
|

A arte de beijar

Além de ser bom demais o beijo também pode revelar alguns segredos sobre o(a) parceiro(a) e várias curiosidades. Confira!
Rapidinho: Um beijo assim seguido de um mais demorado revela que o(a) parceiro(a) está apaixonado por você. Mesmo que demore para se entregar, quando isso acontece é para valer.
Lento e Molhado: Esse tipo de beijo que parece não ter hora para terminar demonstra que o(a) parceiro(a) sabe muito bem o que quer: Você!
Selinho: Com a boca fechada, indica que o(a) parceiro(a) gosta mais de dar do que receber.
Forte: Um beijo dado com a boca aberta revela que o(a) parceiro(a)tem personalidade forte, é ciumento(a) e possessivo(a).
De Língua: Combinando com movimentos suaves da língua, demonstra que o(a) parceiro(a) é sincero e gosta de dividir suas emoções com você.
De onde ele veio?
Segundo os historiadores, o beijo surgiu há muitos anos, em Roma, quando os homens precisavam controlar o consumo de vinho. Eles beijavam suas mulheres para descobrir se elas tinham tomado a bebida. Daí para frente, a arte de beijar foi se expandindo.
Veja alguns:
Italiano: É o conhecido beijo de língua.
Drácula: É o beijo que se estende até o pescoço.
Metralhadora Gigante: a pessoa distribui beijos por todos os lados na testa, nas bochechas, nas orelhas, na nuca e na boca.
Oriental: Dado na nuca.
Francês: É um gostoso e estalado beijo na bochecha.
Roda Gigante: As duas pessoas ficam virando a cabeça de um lado para o outro.


Algumas dicas de beijo:
Quando beijar, abandone-se totalmente à emoção. Você só vai conseguir curtir esse momento se se entregar de fato, por isso beije sem se preocupar se o outro está gostando, se você está se saindo bem e outras encanações desse tipo.
Se não souber o que fazer na hora, fique calma (o). É só abrir a boca devagar e imitar o que o outro está fazendo.
O melhor exercício é explorar a boca do outro, bem devagar com a língua. Com certeza, ele(a) gostará da idéia e fará o mesmo.
Se você é tímida(o), tente criar um clima bem romântico na hora do beijo, sem muitos espectadores por perto.
Só beije quando você realmente sentir vontade, beijar só por que a turma toda está gritando: beija! beija! beija! não tem graça nenhuma. Lembre-se que você não tem que provar nada pra ninguém.
Na hora de beijar, procure aspirar o odor do rosto do seu (sua) parceiro(a), isso interfere na química do beijo, deixando-o ainda mais gostoso.
Tente fazer com que seus primeiros beijos aconteçam com alguém de quem você realmente goste, se sinta atraída (o) ou alguém que você já esteja paquerando a algum tempo.
Seja o mais natural possível.
Se o seu (sua) parceiro (a) é mais experiente, deixe que ele tome a iniciativa, acompanhe-o apenas.
Se você não gostou do primeiro beijo, não desanime. Esse é um conhecimento que você só domina com a prática. Afinal, o jeito mais eficaz de aprender a beijar é: Beijando muito!!!
20 Coisas que Destroem o Beijo
1) Fiapo de couve. Não nos dentes da frente, que dá pra ver e avisar antes, mas aquele grudado no canino, que você só sente quando passou para a sua boca.
2) O cheiro do creminho emprestado da avó com o qual a menina besuntou o rosto minutos antes do encontro.
3) Respiração artificial quem faz é salva-vidas. Antes de aprender a respirar e beijar ao mesmo tempo, o negócio é prender o ar para não jogar litros de CO2 no cara.
4) Nariz frio é aflitivo. Já basta o do cachorrinho dela cheirando sua canela todo dia.
5) Batom demais, que borra a sua cara e quando você vai olhar no espelho ficou parecendo a Courtney Love.
6) Achar que a boca é o único lugar. Descer pelo pescoço (sem deixar aquela mancha roxa, por favor) é altamente recomendado.
7) Mãozinha gelada deslizando nas suas costas quentes. Uma vez ou outra é bom, mas todo dia...
8) Ela tropeça no salto e bate com os dentões nos seus lábios, que começam a sangrar.
9) Telefone celular ligado. Pior ainda é parar para atender.
10) Língua dura, lábios secos, olho aberto. Nunca é demais lembrar.
11) Deixar o olho aberto é assustador. Você vai dar uma espiadinha e o parceiro(a) está lá reparando em tudo.
12) Lingüinha de cobra. Sabe aquela pessoa que é tímida até na língua? Aí coloca e tira rápido da boca aquela coisa dura, tensa que não deixa o beijo se desenvolver?
13) Linguão de vaca. Tem menina tão gulosa, que lambe os dentes da frente, os de trás, as obturações, a campainha e, na saída, meleca toda sua cara.
14) Saliva de mais. ECA!
15) Passar tanto a mão que parece que o beijo só acontece porque as bocas ficam na mesma altura.
16) Rebolar como a Globeleza e ficar no esfrega-esfrega.
17) Deixar os braços pendurados como dois pesos mortos em volta do nosso corpo.
18) Ter gosto de cinzeiro.
19) Ter gosto de cinzeiro misturado com cerveja.
20) Ter gosto de cinzeiro, cerveja, pastel de carne, coxinha e bolinho de bacalhau.
Tipos de Beijo...
>>>Beijo Cítrico<<<
Você deve pegar um gomo de mexerica e segurá-lo na boca. Comece a brincar com a fruta entre seus lábios e passe-a para o seu parceiro(a), pegue-a de volta. Troquem o gomo e, em um determinado momento, você saberá qual, mordam juntos a fruta.
>>>Beijo de Mamadeira<<<
Coloquem seus lábios ao redor dos lábios dele(a) e comece a sugá-los para dentro de sua boca. O movimento lembra o de um bebê tomando mamadeira.
>>>Beijo Rodo<<<
Puxe a língua do seu namorado(a) para dentro da sua boca e prenda-a com cuidado entre seus dentes. Comece a passar seus dentes com delicadeza na superfície da língua dele, como quando alguém passa o rodo para secar o chão.
>>>Beijo de Dedo<<<
Experimente tocar os lábios dele(a), entre um beijo e outro, com a ponta dos seus dedos. Os lábios são muito sensíveis, pois existe neles uma infinidade de terminações nervosas, e adoram ser tocadas.
>>>Falar e Beijar ao Mesmo Tempo<<<
Experimente fazer elogios, comentários sobre aquele beijo ou momento que vocês estão vivendo, enquanto vocês se beijam. Palavras carinhosas entre beijos podem ter um efeito devastador.
>>>Beijos com Sabor<<<
Pode ser muito gostoso, e melhor ainda se você conseguir fazer isso de surpresa. Você pode colocar um pequeno pedaço de chocolate em sua boca e, quando estiver bem derretido, beijar o seu namorado(a). Ou ainda coloque na sua boca a bala preferida do garoto(a). No meio do beijo, passe-a para ele.
>>>Beijo Geladinho<<<
Que tal começar o inverno com um beijo especial? Coloque um cubo de gelo na sua boca e só tire quando você sentir que ela está bem gelada. Em seguida, comece a beijar seu namorado(a).
>>>Beijo Vem Buscar<<<
Pode ser divertido você colocar uma uva entre seus lábios e pedir para ele(a) vir buscar. Tente a mesma técnica com batata frita. Coloque-a na boca e deixe metade para a fora e ofereça a ele(a). Essa foi sacanagem!!! hahahhhhah
>>>Beijo Espumante<<<
Escove os dentes com ele(a). Quando estiverem com a boca toda cheia de espuma, surpreenda com um beijo.
>>>Beijo Dançante<<<
Coloque aquela música show, que vocês adoram e, enquanto vocês se beijam, mexa a língua no ritmo da música. É divertido.
>>>Nos Olhos<<<
Já reparou como as pálpebras têm um formato parecido com os lábios? Os olhos também são um bom lugar para serem beijados. Deixe apenas que os lábios encostem de leve nos olhos, que devem estar fechados. Pode ser uma maneira inesquecível de se despedir.
>>>Nos Dedos<<<
Beijar os dedos pode ser superdivertido e estimulante. Dá para colocar a ponta do dedo dele na sua boca, dar mordidinhas na parte gordinha e muitos beijinhos.
>>>Nas Mãos<<<
Mãos são lugares deliciosos para serem beijados, pois se é você quem está recebendo o carinho, pode observar os lábios do garoto(a) beijando você. Durante um beijo na boca vocês ficam tão próximos que fica impossível observar a boca do outro.
>>>Na Cabeça<<<
Pode até parecer estranho beijar os cabelos e a cabeça. Mas experimente roçar o nariz nos cabelos dele(a) e beijar o couro cabeludo, sentir o cheiro dele(a). Isso pode ser muito estimulante.
>>>Além do Beijo<<<
Mordidinhas e chupões são ótimos artifícios para esquentar seu namoro e muitas vezes funcionam como extensão do seu beijo. Claro que tudo deve ser muito de leve, pois o(a) garoto(a) pode não querer sair com marcas pelo corpo e muito menos sentir dor. Você pode inspirar lenta e profundamente na lateral do pescoço dele(a) e explorar a região com a ponta do nariz. Pode também dar leves mordidinhas. Vale chegar até o lóbulo da orelha. Na verdade, é só encostar os dentes, sem fazer força.
Agora, melhor do que qualquer conselho, o negócio é beijar gostoso, lamber, morder, sentir, e fazer vc mesmo seu ritual se transformar num momento infinito.
 E "cá" entre nós...beijar é muito bom né? Um beijo a todos! 

Fonte: http://thescrep.blogspot.com/2010/07/primeiro-beijo-guia-completo.html

 

 

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:03

link do post | comentar | favorito
|

A ciência dos beijos...

Beijar é toda uma arte, mas também tem sua própria ciência. Chama-se filematologia, e as últimas pesquisas nesta disciplina revelam que trocar saliva nos ajuda a escolher o parceiro mais adequado.

Segundo explicou a neurocientista Wendy Hill durante uma recente reunião da Associação Americana para o Avanço da Ciência (AAAS), as substâncias químicas contidas na saliva nos ajudam a avaliar uma pessoa para decidir se é a mais acertada. Ademais, beijar reduz os níveis de cortisol, o hormônio do estresse, e aumenta os níveis de oxitocina, desde que beijemos a pessoa adequada.

Helen Fisher, professora de antropologia na Universidade Rutger e especialista mundial na biologia do amor, também analisou o papel do beijo, e assegura que "beijar é um poderoso mecanismo de adaptação" presente em mais de 90% das sociedades humanas. Sem esquecer, acrescenta, que "os chimpanzés e os bonobos se beijam, as raposas lambem seus focinhos entre si, as aves se bicam e os elefantes põem suas trompas nas bocas dos outros membros de suas manadas".

Nos humanos, o beijo é fundamentalmente uma questão química, segundo Fisher. A saliva masculina tem testosterona e os homens preferem os beijos úmidos porque inconscientemente tentam transferir testosterona para provocar o apetite sexual nas mulheres. Ademais, este tipo de beijo poderia ajudar a medir os níveis de estrogênio feminino de sua parceira, para que ele tenha uma ideia de seu grau de fertilidade. Quanto às mulheres, o beijo serve para detectar o estado do sistema imunológico de seu possível parceiro e saber o quanto ele se cuida.

Por outra parte, a antropóloga sustenta que existem três sistemas cerebrais diferentes que evoluíram no Homo sapiens para permitir o acasalamento e a reprodução. O primeiro é o desejo sexual alimentado pela testosterona, tanto em homens como em mulheres. O segundo regula o amor passional ou obsessivo e parece estar vinculado com uma atividade elevada de dopamina, um estimulante natural. O terceiro, que controla o apego e permite um casal permanecer unido suficiente tempo para criar filhos, está relacionado a um nível maior de oxitocina. O beijo, provavelmente, permite que se estimulem esses três sistemas, conclui Fisher.

Leia mais: http://www.ndig.com.br/item/2011/02/a-cincia-dos-beijos#ixzz1YhlC4rc9

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 19:01

link do post | comentar | favorito
|

Quantos anos vivem os animais?


 

O mais clássico exemplo de que uma imagem, neste caso de estrema simplicidade, informa mais que mil palavras.

 

Leia mais: http://www.ndig.com.br/category/curiosidades/page/7#ixzz1YgtuxKNW

 

sinto-me:
publicado por momentoskatia às 14:22

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Serás mãe...

. Conversa entre vô e neto....

. Sobre a morte e o morrer ...

. A mãe do pai

. Essência...

. 12 dicas de um médico jap...

. Cuidado com nossos filhos...

. Aviso importante!!

. Pense bem...

. Apenas faça...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds